Total de visualizações de página

sexta-feira, 26 de novembro de 2010

Forget You (Fuck You) - Glee




Forget You (Fuck You)

[Refrão]
Eu vejo você dirigindo em volta da cidade
Com a garota que eu amo e eu quero,
Esquecer você!
Oo oo, ooo
Eu acho que a mudança no meu bolso
Não foi suficiente eu quero,
Esquecer você!
E esquecer ela também!
Eu disse, se eu fosse rico, eu ainda estaria com você
Ha, agora não é shh? (Agora não é shh)
E, embora haja dor em meu peito
Eu ainda te desejo o melhor com um
Foda-se!
Oo oo, ooo

Sim, me desculpe, eu não posso comprar uma Ferrari,
Mas isso não quer dizer que não posso chegar lá
Eu acho que ele é um xbox e eu sou mais um atari
Mas a maneira que você joga o seu jogo não é justo

[Pré-refrão]
Tenho pena do tolo que se apaixona por você
(Oh ela é interesseira)
Bem
(Só achei que você deveria saber mano)
Ooooooh
Eu tenho uma novidades para você
Sim corra e diga ao seu namoradinho

[Refrão]
Eu vejo você dirigindo em volta da cidade
Com a garota que eu amo e eu quero,
Esquecer você!
Oo oo, ooo
Eu acho que a mudança no meu bolso
Não foi suficiente eu quero,
Esquecer você!
E esquecer ela também!
Eu disse, se eu fosse rico, eu ainda estaria com você
Ha, agora não é shh? (Agora não é shh)
E, embora haja dor em meu peito
Eu ainda te desejo o melhor com um
Foda-se!
Oo oo, ooo

[Verso 1]
Agora eu sei, que eu tinha que pedir emprestado,
Mendigar e roubar, mentir e enganar
Tentando manter você, tentando agradar a você.
Porque estar apaixonado por você, não é barato

[Pré-refrão]
Tenho pena do tolo que se apaixona por você
(Oh ela é interesseira)
Bem
(Só achei que você deveria saber mano)
Ooooooh
Eu tenho uma novidades para você
Ooh, eu realmente odeio você agora

[Refrão]
Eu vejo você dirigindo em volta da cidade
Com a garota que eu amo e eu quero,
Esquecer você!
Oo oo, ooo
Eu acho que a mudança no meu bolso
Não foi suficiente eu quero,
Esquecer você!
E esquecer ela também!
Eu disse, se eu fosse rico, eu ainda estaria com você
Ha, agora não é shh? (Agora não é shh)
E, embora haja dor em meu peito
Eu ainda te desejo o melhor com um
Foda-se!
Oo oo, ooo

[Ponte]
Agora, baby, baby, baby, por que você quer quer me machucar tanto?
(tanto,tanto,tanto)
Tentei dizer a minha mãe, mas ela me disse
Essa é para o seu pai
(Seu pai, seu pai, seu pai)
Uh! Porque? Uh! Porque? Uh!
Porque garota? Oh! Eu te amo oh!
Eu ainda te amo. Oooh!

[Refrão]
Eu vejo você dirigindo em volta da cidade
Com a garota que eu amo e eu quero,
Esquecer você!
Oo oo, ooo
Eu acho que a mudança no meu bolso
Não foi suficiente eu quero,
Esquecer você!
E esquecer ela também!
Eu disse, se eu fosse rico, eu ainda estaria com você
Ha, agora não é shh? (Agora não é shh)
E, embora haja dor em meu peito
Fuck You!
Oo oo, ooo

Teenage Dream



Bom, adoro essa música....

segunda-feira, 22 de novembro de 2010

Rima

Chocolate amargo,
pr'essa vida tão doce.

Eu gosto de ouvir os pingos de chuva batendo contra a janela,
gosto de sentir a força da natureza nos empurrando para nosso destino.

Eu gosto de ficar de bobeira, vendo o tempo passar,
gosto de ler um livro, só pra variar.

Estou quase sempre disposta, mesmo quando nao pareço estar,
sempre canto uma cançao, mesmo nao sabendo rimar.

Estou sempre esperando,
a vida nova começar,
mesmo que ela venha,
a cada novo despertar.

Se esse texto nao lhe faz sentido,
talvez eu tenha perdido o tino,
ou eu ainda não tenha aprendido a me expressar.

Amanha é um novo dia,
como o passado tambem já foi,
e quem sabe esse amanhã,
mude tudo pra nós dois.


terça-feira, 16 de novembro de 2010

Gravidez

Novas vidas,
um livro inteiro pra ser escrito,
um post novo para ser inventado.


Sempre fico maravilhada com a gravidez,
meu mais doce sonho....


As Perfeições de Deus,
a criação divina.


Várias futuras mamães em minha vida...
Isso me deixa extasiada....


Abaixo,
a Karen (Kakaia) minha amiga ha quase 20 anos, com a pequena Lívia,
que vai nascer em Fevereiro.


segunda-feira, 15 de novembro de 2010

Raise your glass

Certo, certo, desligue as luzes,
Nós vamos perder a cabeça, esta noite,
Qual é a parada?

Eu adoro quando está tudo exagerado,
5 da manhã ligo o rádio
Cadê o rock and roll?

Penetra de festas,
Perseguidor de calcinhas,
Me chame se você for um gangsta
Não seja chique, apenas dance
Por que tão sério?

Portanto, erga seu copo se estiver errado,
De todas as maneiras certas,
Todos os meus azarões,
Nunca seremos, nunca seremos nada além de barulhentos
E pequenas aberrações sujas, piolhentas e sebosas
Você não vai vir e erguer seu copo,
Apenas venha e venha e erga seu copo

Bata, bata, oh quente pra caramba
Que parte da festa você não entende?
Queria que você enlouquecesse (enlouqueça já)
Não pode parar, está chegando quente,
Eu deveria ficar trancada no local certo
Está ligado agora (ligado pra caralho agora)

Penetra de festas,
Perseguidor de calcinhas,
Me chame se você for um gangsta
Não seja chique, apenas dance
Por que tão sério?

Portanto, erga seu copo se estiver errado,
De todas as maneiras certas,
Todos os meus azarões,
Nunca seremos, nunca seremos nada além de barulhentos
E pequenas aberrações sujas, piolhentas e sebosas
Você não vai vir e vir e erguer seu copo,
Apenas venha e venha e erga seu copo
Você não vai vir e vir e erguer seu copo,
Apenas venha e venha e erga seu copo

(Oh merda meu copo está vazio, que droga)

Então, se você é muito legal para a escola,
E você é tratado como um idiota,
Você pode escolher deixar pra lá
Nós podemos sempre, podemos sempre,
Festejar por conta própria

(Então erga o seu) Portanto, erga seu copo se estiver errado,
De todas as maneiras certas,
Todos os meus azarões,
Nunca seremos, nunca seremos nada além de barulhentos
E pequenas aberrações sujas, piolhentas e sebosas
Portanto, erga seu copo se estiver errado
De todas as maneiras certas
Todos os meus azarões,
Nunca seremos, nunca seremos nada além de barulhentos
E pequenas aberrações sujas, piolhentas e sebosas
Você não vai vir e vir e erguer seu copo,
Apenas venha e venha e erga seu copo
Você não vai vir e vir e erguer seu copo, (pra mim)
Apenas venha e venha e erga seu copo (pra mim)

Pink, sempre acertando...

musica ótima...
tradução de sentimentos.


Beijos... nos vemos por aí... ou não....
nunca se sabe...
O futuro é a proxima batida do coração. ;D

sexta-feira, 12 de novembro de 2010

Nem eu

Nem eu
 (1952)
Samba-canção

Composição: Dorival Caymmi

Interpretação: Jamelão
  



Não fazes favor nenhum
 
 Em gostar de alguém
 
 Nem eu, nem eu, nem eu,
 
 Quem inventou o amor
 
 Não fui eu, não fui eu,
 
 Nem ninguém.
 
 
 O amor acontece na vida
 
 Estavas desprevenida
 
 E por acaso eu também
 
 E como o acaso é importante, querida,
 
 De nossas vidas a vida,
 
 Fez um brinquedo também!


Não fazes favor nenhum
 
 Em gostar de alguém
 
 Nem eu, nem eu, nem eu,
 
 Quem inventou o amor
 
 Não fui eu, não fui eu,
 
 Nem ninguém.
 

O amor acontece na vida
 
 Estavas desprevenida
 
 E por acaso eu também
 
 E como o acaso é importante, querida,
 
 De nossas vidas a vida,
 
 
 

quarta-feira, 10 de novembro de 2010

Viagem

Viagem...
Novo...
Pessoas...
Riso, incontido.

Que delícia...
fomos no zoológico...
Me senti num passeio de escola...
Aqueles Especiais malucos...
Só nao fomos no Del Rey... 
hahaha

Adorei.

Momentos... Gravados pra sempre na memória.

segunda-feira, 1 de novembro de 2010

O porque....



Eu escrevo para me safar,
para me livrar do que atormenta meu interior.
Quero me livrar dessas perguntas sem respostas,
quero esquecer o porque de estar me sentindo assim.

Eu sempre estou em duvida,
e só me rendo quando a resposta vem de fora de mim.

Ainda nao descobri porque nao confio em mim mesma,
e porque dependo tanto das pessoas para me dizerem como sou.
Porque me sinto tao impropria,
ou porque me olho no espelho e nao vejo nada alem do simples olhar vazio.

Eu nao queria estar aqui escrevendo,
desabafando,
desabando.
Eu queria gritar....
queria me fazer presente...
queria nao ser tão vitima de tudo e de todos.
eu so queria ter minha propria voz,
soando em meus ouvidos.

Me sentirei idiota,
insegura,
imatura...
E talvez nao me lembre o porque dessas palavras,
pois o amanha é sempre assim...

Mas talvez esse seja o porque dessas palavras desconexas,
talvez seja por isso que escrevo na madrugada...
Para que eu nao esqueça,
e para que talvez amanha,
eu possa melhorar.

Ahh,
como eu quero.