Total de visualizações de página

segunda-feira, 22 de junho de 2009

Halo - Beyonce


Lembra daquelas paredes que construí
Bem elas estão desmoronando
Elas nem tentaram ficar em pé
Nem fizeram um som
Eu achei um jeito de deixa-lo entrar
Mas eu nunca tive dúvida
Sob a luz de sua auréola
Eu tenho meu anjo agora

É como se eu estivesse despertando
Todas as regras que eu tinha você está quebrando
É o risco que eu estou correndo
Eu nunca vou te calar

Em todo lugar que eu olho agora
Estou rodeada pela sua graça
Baby eu posso ver sua auréola
Você sabe que é minha graça salvadora
Você é tudo que eu preciso e mais
Dá pra ver no seu rosto
Baby eu posso sentir sua auréola
Ore para que não desapareça

Eu posso sentir sua auréola, auréola, auréola
Eu posso ver sua auréola, auréola, auréola
Eu posso sentir sua auréola, auréola, auréola
Eu posso ver sua auréola, auréola, auréola

Atingiu-me como um raio de sol
Queimando na minha noite escura
Você é o único que eu quero
E estou viciada em sua luz
Eu jurei que não cairia de novo
Mas nem sequer sinto que estou caindo
Gravidade
A me puxar de volta para o chão

É como se eu estivesse despertando
Todas as regras que eu tinha você está quebrando
É o risco que eu estou correndo
Eu nunca vou te calar

Em todo lugar que eu olho agora
Estou rodeada pela sua graça
Baby eu posso ver sua auréola
Você sabe que é minha graça salvadora
Você é tudo que eu preciso e mais
Dá pra ver no seu rosto
Baby eu posso sentir sua auréola
Ore para que não desapareça

sexta-feira, 5 de junho de 2009

Para mim!


Olhos cintilantes, espertos, observadores
Nariz delicado, com um ponto brilhante
Sorriso sapeca, de menina
Corpo sedutor, de mulher

Ela é assim, sensível, amiga, leal
Companheira de anos... e que anos!!
Lulu de todos os momentos
Alegres tristes, divertidos... quanta diversão!

Seja nas baladas, cinemas, ressacas
Sempre presente, alegre saltitante
Adora delicinhas, cervejinhas, jujubinhas
Decidida, original e autêntica.

É rosa, roxo, verde e azul
Um arco-iris perfeito e harmonioso
Todas as cores, sons e brilhos em uma só pessoa
Geminiana da gema!

Patthy Paraíso...
Patthy Star...
Ou simplesmente Patrícia Andrade
Ahhhh... sem esquecer o "e Silva"

Te adoramos...
Te amamos...
Te love-amos...
Pra sempre, eternamente, forever!

By Nêssa

-------------------------------------------------

Poeminha que ganhei de níver...
e o melhor presente, as pessoas que amo do meu lado.

Amo, simplesmente!

quinta-feira, 4 de junho de 2009

Melhor Aniversário!!!!


Como descrever?  /o\

Nem sei!!!

“Essa ansiedade que não me deixa!”

Rsrsrs

 

Melhor aniversário, já disse.

Serenata...

Rapadura,

Pepino,

Sacudida...

Srrsrs

“Como eh grande meu amor por vc...”

 

Bonsai,

Cachorrinho Ronaldo,

Cheirinho gostoso,

Cartão,

Almofadinha com frase carinhosa,

Poema,

Tacinha das amigas inseparáveis,

Porta retratos,

Tatoo,

Violão e cantoria (na sala da minha casa)!

 

Carinho,

Discurso,

Cadê o chinelo? hahaha

 

Pessoas que amo,

Todas reunidas pra me ver!

Tem como descrever isso?

Sinto muito,

Estou sem palavras!

 

Só sei que amo.

Sinto que novos ares estão por vir.

Me sinto RENOVADA,

Paz de espírito!

 

Obrigada a todos,

Por me amar,

Como Eu Sou,

Por quererem estar ao meu lado,

E por lutar para isso!

Obrigada,

A quem me quer bem,

E quem reza por mim.

 

A quem me faz sentir bem,

Que me valoriza,

Que me faz rir...

 

A quem está sempre comigo,

O meu amor e carinho ETERNO!

 

quarta-feira, 3 de junho de 2009

Meu aniversário!!!!




O que é fazer aniversário?
O que foram esses 23 anos?

Foram amor,
sorrisos,
lágrimas,
carinhos,
aprendizado.

Amor amor amor,
amor perdido,
amor encontrado,
amor adormecido,
amor matado!

Eu aprendi muita coisa,
eterno aprendizado na verdade.

Claro que faria tudo de novo, 
claro que me entregaria sem limites,
e SIM, 
eu seria eu mesma novamente em todos os momentos!

Perdi muita coisa por ser cega,
por não conseguir enxergar a realidade,
por estar sempre fantasiando no meu mundinho.

Conheci muitas pessoas no decorrer dos 23,
muitas se fizeram especiais sem perceber,
outras vieram e simplesmente se foram.
Tenho resquícios de cada uma delas.

Me ensinaram a sonhar,
e por isso, aos 22 anos,
decidi que era certo sonhar e acreditar em determinados sonhos.
Talvez não tenha sido tão certo viver no sonho,
pois quando se acorda,
a realidade não é tão colorida.

Me senti rejeitada por diversas vezes.
Me senti pior que os outros,
me senti pequena e sem importancia.
Fui humilhada
e abandonada.

Mas hoje, estou erguendo minha cabeça
para o céu,
para o infinito.
Pedindo a Deus orientação,
pois há um novo caminho a seguir,
e meus passos ainda são incertos.

Tenho medo,
mas boto fé!

O futuro?
É A PRÓXIMA BATIDA DO CORAÇÃO!

Obrigada a todos que colaboraram para o crescimento
da Patrícia, Patthy, Patinha, Papatinha, Trícia, e por aí vai....